Tecnologia impulsiona a inovação industrial

Renato Las Casas

Dados recentes divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) apontam que o setor de construção civil demonstrou, no terceiro trimestre de 2019, crescimento de 4,4% frente ao resultado de 2018. Com este desenvolvimento do segmento se fazem cada vez mais necessários novos equipamentos, materiais e processos que tornem as obras e reformas mais ágeis, práticas e seguras, e é aí que entra a tecnologia. Assim como em diversos outros campos de trabalho, ela também está bastante presente na construção civil. Essa possível quarta revolução industrial é a responsável por implementar na rotina de trabalho equipamentos como os drones, cobots, sensores e impressora 3D, entre outros.

Entre as principais características deste novo momento estão a automação de tarefas, o armazenamento de dados e informações, e a simplificação de procedimentos industriais. O uso de novas tecnologias na construção civil pode proporcionar grandes vantagens, que contribuem para o aprimoramento do tempo e a qualidade de uma edificação. Ao promover a utilização de maquinários adequados, esta modernização industrial possibilita um aumento significativo da produtividade e aceleração de várias práticas.

É fácil entender como isso acontece. Todo o trabalho realizado manualmente agora acontece por meio de uma máquina, ou com o auxílio de uma, permitindo a elevação da capacidade laboral dos funcionários em outras áreas. Outro benefício oferecido por estes tempos de evolução tecnológica no setor de construção civil é a ampliação do potencial de armazenamento de informações sobre uma obra por meio da utilização de softwares especializados. É possível ter acesso diário a estes tipos de dados de forma mais segura e fácil. Esses programas ajudarão a compreender em qual pé está a obra e quanto falta para o seu término.

E ainda podem auxiliar no monitoramento de atividades, segurança dos trabalhadores e redução no risco de acidentes. É essencial que as empresas capacitem seus funcionários para que trabalhem lado a lado com a tecnologia.